onde a terra acaba

Helio Flanders

voz, piano Helio Flanders
violoncelo Bruno Serroni
contrabaixo Ignacio Varchausky
bateria Leo Mattos

 

isabela,
não vai amanhecer
mas vai brilhar tua própria chama

desespera,
mas não deixa a voz secar
um antigo encontro te espera
lá onde a terra acaba

isadora,
em tudo fez manhã
e ele a rir de nós.
– mas não hoje

vive a tua glória
não sei a tua dor
mas tem mim o teu amigo
lá onde a terra acaba.

milena,
revive minha alegria
nas tuas mãos de mulher antiga
e me leva

é verde o teu mar
que cobre as próprias ondas
lá onde a terra acaba.

– algo se perdeu
lá eu poderia encontrar.